quem sou eu agora?

nove meses passados desta perda que continua a sangrar, as únicas alterações positivas ou pelo menos as que me parecem sentir são de grande saudade e desejo de voltar atrás. acho que com 41 anos de “gosto” pela paz que a tristeza me transmitia nunca deixarei de equacionar de me juntar ao repouso que a […]

quando morre a raiz

o dia a dia devia me dar esperança para me dar com as pessoas, tomar decisões, fazer amigos, e pouco a pouco aumentar o gosto pela vida, que só se vive uma vez realmente. mas cá dentro está tudo como naqueles desenhos animados com castelos no meio de penhascos e um tempo terrivel, cinzento, chuvoso […]

mesmo nunca saindo de dentro de nós

para uma amiga especial, este trecho ajudou-me e continua a ajudar-me:  Como é que se Esquece Alguém que se Ama?Como é que se esquece alguém que se ama? Como é que se esquece alguém que nos faz falta e que nos custa mais lembrar que viver? Quando alguém se vai embora de repente como é […]

a casa ficou vazia

tento perceber como cheguei a esta situação de impotência, perda, luto, confusão e em consequência, ou já cá residindo, o esgotamento. mas não consigo.desde o ínicio de julho, porque por dentro já não aguentava e por fora a ajuda era sempre cobrada, por esforços maiores que o dinheiro que se paga a um psiquiatra, decidi […]

tento perceber como cheguei a esta situação de impotência, perda, luto, confusão e em consequência, ou já cá residindo, o esgotamento. mas não consigo.desde o ínicio de julho, porque por dentro já não aguentava e por fora a ajuda era sempre cobrada, por esforços maiores que o dinheiro que se paga a um psiquiatra, decidi […]

Mãe,

Dizias quando ainda eras viva, a sofrer com as dores que já não seriam passageiras, mas finais, para eu ser teu amigo e te ajudar, desculpa se não o consegui. Acredita que tentei e não me arrependo da mudança que fiz na minha vida desde Maio do ano passado, só me dói que tenham sido […]